R.I.P Dio

Eu tentei evitar e fingir que não tinha acontecido mas, após um ano de luta contra o câncer, o criador da mão em formato de chifre, símbolo eterno do Heavy Metal, se foi. E eu fiquei mal, até sonhei que outros ídolos meus morriam. Já passou da hora de eu me preparar psicologicamente pra morte das grandes lendas do rock que admiro. Eu sempre achei que eles nunca morreriam. Nunca me preparei para vê-los morrer. De certa forma ficam vivos em nossos corações mas  não é a mesma coisa que poder, de repente, cruzar com eles numa rua, num show, nessas surpresas da vida...
Descanse em Paz, Dio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela interação. Os comentários serão respondidos aqui mesmo ^-^