Todas vocês que tem árvores frutíferas no quintal já devem saber que agora é a época dos morcegos!
Aqui em casa tem ameixeira, goiabeira, amoreira, acerola e outras árvores que não dão frutos. O abacateiro e a mangueira tivemos que cortar porque a hera venenosa sugou as árvores até secar. 

Nessa época de frutas dando em árvore, todas as noites os morcegos aparecem!
E ai de você se for no quintal com a luz apagada! Corre o risco de levar uma morcegada na cara ou um cocô na testa. Acendendo a luz, uma desviadinha já te salva do perigo!
Não é preciso dizer que toda a parede da casa que dá pro quintal fica cagadinha de morcegos até o fim do verão né? E todo ano tem que pintar. Fora as vezes que um morcego entra dentro de casa e aplicam-se diversos truques pra tirá-los.

Normalmente os morcegos fazem uns barulhinhos super "normais", parecido com o de rato. Essa madrugada, me assustei. Um deles deu um sibilar muito alto, longo e estridente. Me arrepiei toda. Foi um dos barulhos mais assustadores que já ouvi na minha vida, se não o mais! De manhã, perguntei se alguém tinha ouvido o tal barulho, meu pai disse que sim, e disse que se arrepiou de medo, assim como eu...

Agora, eu DE FATO entendo a fama dos morcegos de serem/terem ligação com o sobrenatural. As pessoas nunca entenderão essa fama até ouvirem o agudo sibilar do morcego na madrugada fria...