Eu vou finalizar o posts sobre "O que é Wicca?" com esta parte 3, o que deixei de fora são as infos fáceis de achar em sites confiáveis e também acho que vai de quem se interessar, corre atrás! :D 

O que é Wicca? (Parte 1)
O que é Wicca? (Parte 2)

O Individualismo
Wicca é uma escolha pessoal para aqueles que sentem que a sua percepção do sagrado não se enquadra nos esquemas tradicionais. É algo muito individual para se sujeitar a conjuntos de regras e crenças que outros determinaram. As poucas regras existentes na Wicca têm um caráter essencialmente funcional e são vistas não como mandamentos, mas como simples normas de relacionamento entre pessoas que partilham interesses comuns. São princípios genéricos ligados a valores ecológicos e individuais. Cada membro deve decidir, praticar e dirigir as suas práticas e rituais. Quem vai parar na Wicca,  são pessoas que consideram o homem e todas as outras criaturas viventes bem como os espaços onde habitam como sagrados.


No neo-paganismo nota-se uma ausência de proselitismo. Os Pagãos não divulgam sua religião de porta ema porta, como de um modo geral, não dão evidências explícitas de pertencer a este movimento.  Optam por ter uma atitude discreta, pois pensam que a aproximação ao Paganismo deve resultar de uma escolha individual ditada por interesses e necessidades interiores. Esta discrição também se deve à falta de aceitação, ao medo e à desconfiança que a sociedade tem em relação aos Pagãos. Assim sendo, a Wicca não tem convertidos, a pessoa se descobre pagã. Normalmente as pessoas já gostavam ou já se praticavam ou já se tinham a visão de mundo da bruxaria mas não sabiam (por falta de informação) - até que descobrem que o paganismo é o que já se encaixava na visão de mundo delas.


No passado, a Igreja tradicional chegou a transformar várias deusas pagãs em diabos masculinos não somente para corromper as deidades da Religião Antiga como também para apagar o fato de o aspecto feminino ter sido objeto de adoração. Quando se fala da Inquisição, muito se pensa em "heresia" quando em 1320, a Igreja (a pedido do Papa João XXII) declarou oficialmente que a Bruxaria e a Antiga Religião dos pagãos constituíam um movimento herético e uma "ameaça hostil" ao Cristianismo. Mas é muito interessante observar que, pra uma pessoa ser considerada herética, ela tem que primeiro, ser cristã, e se os Pagãos nunca foram cristãos, portanto foi um grande ato covarde considerar pagãos como seres heréticos. Dentre os atos que pessoas consideradas heréticas sofreram estavam tortura, estupros, forca, fogueira, prensagem até a morte ou espichamento do corpo até ser desmembrado, afogamento, decapitação e o esquartejamento (infelizmente me faz lembrar do ISIS hoje em dia), entre outras atrocidades. Somente em 1951 as leis contra a bruxaria foram revogadas na Inglaterra, possibilitando que aos poucos as pessoas se revelassem.


Portanto, a Wicca é mais baseada na ligação da natureza, ao arquétipo da Deusa Mãe e nos sentimentos e inspirações pessoais dos seus praticantes, do que em quaisquer textos ou ensinamentos, o que a faz ser marcadamente individualista. À exceção de algumas ocasiões festivas em que se reúne um grande número de adeptos (geralmente de diversas tradições) para confraternizar e celebrar conjuntamente determinados momentos significativos, como por exemplo, os Solstícios.

Sobre Bruxaria e Wicca este vídeo da Adriana (Caverna da Bruxa) tem umas perguntas e respostas legais pra quem se interessou e quer saber mais sobre dá pra acompanhar o canal dela.


O que é Magia?
A magia é uma força que combina a energia psíquica com os poderes da vontade. Um dos elementos mais importantes na prática da magia é a sensação. É absolutamente essencial que você possua sensações fortes em relação ao que está tentando realizar para produzir o poder necessário para a realização da magia. É também muito importante usar a visualização criativa, também conhecida como "imaginação desejada". Sem a sensação e a visualização criativa é extremamente difícil (se não totalmente impossível) a magia funcionar. A escolha da forma (ou formas) de magia a ser praticada depende somente da preferência pessoal do bruxo e/ou da tradição wiccana.
Para que a magia funcione apropriadamente, um bruxo deve trabalhar em perfeita harmonia com as leis da Natureza e da psiquê. A lua e cada um de suas fases são a parte mais essencial, sendo extremamente importante que os encantamentos e os rituais sejam realizados durante a fase lunar apropriada. É importante corpo e mente saudáveis e capacidade de aceitar a responsabilidade pelas suas próprias ações. É impossível obter magicamente resultados positivos se seu nível de energia estiver baixo ou se seu corpo estiver contaminado. Para ser capaz de produzir poder, o corpo físico deve ser mantido em condição saudável. Inclusive essa é uma das respostas que a Adriana dá no vídeo acima: pessimistas não conseguirão realizar magia.

Programa da TV Brasil Wicca: Cânones e Tradições, clique na imagem pra assistir.
http://tvbrasil.ebc.com.br/retratosdefe/episodio/wicca-canones-e-tradicoes

Por enquanto finalizo aqui, embora ainda ache que tem coisas legais a serem abordadas sobre Wicca e Bruxaria num geral e quando der na telha eu posto haha! Espero que tenham gostado de conhecer um pouco mais sobre e que o modismo traga algo de positivo nisso tudo.


Fontes do texto:
A feitiçaria moderna, Gerina Dunwich.
A Dança Cósmica das Feiticeiras, Starhawk.
As Bruxas do Brasil, Micaela Elegel.
Dreaming the Dark, Beacom Press.


4 Comentários

  1. Pena que esse já é o último post. Tava gostando da leitura. ^^
    Mas agora vou procurar esses livros que você usou como fonte para ler mais.
    Toda vez que leio algo sobre a Inquisição e o que eles fizeram na época me dá um aperto tão grande no coração. E quando leio sobre pessoas que ainda fazem as mesmas coisas hoje em dia esse sentimento só fica maior. É tão injusto as pessoas quererem obrigar as outras a pensarem e acreditarem nas mesmas coisas que ela. É tão absurdo essa ideia que eu realmente não consigo entender como algumas pessoas podem agir assim. Muito triste isso tudo.
    Enfim, adorei os posts.
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mone! Quero voltar a abordar o tema, ainda tem bastante coisa que pode ser abordada!
      Eu também nem curto pensar em Inquisição, me dói a alma.... e pensar que até hoje ainda existe né? O estado islâmico tá fazendo praticamente a mesma coisa, só que com os cristãos... extremismo religioso, qualquer que seja é uma barbárie!
      Olha, na web tem bastante livro pra download, se você não achar em livrarias ou sebos. É só colocar eles no celular ou no tablet e dá pra ler em qualquer lugar ;D
      Bjs!

      Excluir
  2. Sou adepta do neopaganismo há um bom tempo. Mas de uns tempos para cá acabei me afastando e ao ler esse post percebi o quanto está me fazendo falta :(
    Tenho vários desses livros guardados no computador, são bem explicativos e ótimos para quem deseja entender um pouco mais.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, coloca os livros no celular ou no tablet que daí dá pra ler qualquer hora! Quem sabe estimule você a voltar. A Adriana até comenta num vídeo sobre as pessoas que se afastam... eu penso que às vezes o afastamento é necessário sabe? Até mesmo pra saber se aquilo é parte de você mesmo, se sente falta...

      Excluir

Obrigada pela interação. Os comentários serão respondidos aqui mesmo ^-^