Uns tempos atrás li um texto da newsletter da escritora Aline Valek. O título era "Não deixe o link morrer". Deixarei o link mais abaixo, trata-se de um texto sobre o fato que as mídias/redes sociais "engoliram" os blogs e direcionaram o olhar das pessoas para imagens.

Muito se tenta reativar a forma como os blogs interagiam antes entre si antigamente. Os grupos de blogagem coletiva tentam resgatar isso, mas muitos grupos se tornam também espaços de divulgação. Pra mim, isso só demonstra como esses "espaços de divulgação", antes feitos pelos próprios blogs, migraram para as redes sociais. E são extremamente necessários pros clicks circularem!

Segundo Aline Valek, 
"links são a base da internet e são eles que nos permitem explorar tudo o que ela tem para oferecer em seu mundo. Bem antes de existir o Google, os primeiros blogs funcionavam como centralizadores de links; uma página onde a pessoa guardava as páginas interessantes que ela encontrava no faroeste internético, quando boa parte de tudo isso aqui ainda era mato. Era uma época em que você tinha que pegar os sites na unha. Para acessá-los, era preciso saber o endereço. Então os blogs que faziam essa curadoria de links facilitavam a aventura de explorar a world wide web.
Mas vieram as redes sociais e os links passaram a perder valor. As pessoas são incentivadas a postar o conteúdo diretamente nas redes sociais, e desencorajadas a postar links que levem para outras páginas. O Zuckeberg é um que odeia links. Ele faz isso porque quer que você não saia do ambiente do Facebook ou do Instagram; não porque goste de você, mas porque deseja centralizar o máximo de poder e lucro só pra ele. Essa centralização ajudou a atrofiar os blogs e iniciar uma nova era, onde a livre navegação pelos mares da internet foi dando lugar a uma passiva rolagem de tela para ver o que cai ali."

A autora também comenta sobre o péssimo hábito de se compartilhar prints de imagens aos invés do link original: "Porque ao printar e compartilhar a imagem, você está desvinculando aquele texto/comentário da fonte original. E isso é acabar com uma coisa importantíssima: a capacidade de checar fatos e rastrear informações. De onde vem essa info? É fonte confiável? Qual é a data? De quem é a autoria?  
E é triste que a internet esteja perdendo a cultura de linkar e compartilhar links, para favorecer a imagem, sempre a imagem, nessa nossa cultura de aparências e de consumir as coisas rapidinho para já passar para a próxima.
Imagine se as pessoas compartilhassem com o mesmo gosto aquilo que elas acham bacana e construtivo. Muitos blogs e projetos não teriam morrido. A internet talvez estaria mais suportável de se habitar. Então não deixe o link morrer. Não deixe o link acabar. A internet é feita de links; de link pra nóis navegar." 


Então EU decidi publicar minhas linkagens, pois não quero que blogs morram e quero que matérias que achei interessantes sejam acessadas!
Quero aproveitar e convidar meus leitores a quem sabe, talvez, um dia, pensarem nessa possibilidade de interação. Que esqueçam egos, esqueçam "dar ibope pra um blog que já é conhecido", ou "porque não quero que você tenha acesso" ou ainda "porque tal blog é muito pequeno", ou  porque "não gosto da fulana embora ela faça posts ótimos". Sinceramente não leva a nada pensar assim. Na verdade é um pensamento horroroso, egoísta e que emana péssimas energias. Imagine se nós nos compartilhássemos: clicks circulariam, pessoas conheceriam blogs e seguiriam!

Sozinhos somos raros. Juntos somos fortes.


Como podem notar na lateral esquerda desse blog, existe um blogroll de alguns blogs que acompanho (tenho 30 blogs listados, mas o blogger só mostra 25). Decidi resgatar isso no Diva porque sinto que o mundo blogueiro alternativo atualmente não se compartilha tanto quanto deveria, sendo nós uma "comunidade de outsiders" (tenho blogroll no Moda de Subculturas também desde o início daquele blog!) deveríamos apoiar mais uns aos outros... Não sei o motivo, mas acho um saco  isso de se "profissionalizar" ou se "comercializar" e riscar do layout os blogs que lê. Se somos alternativos, por que imitamos esses hábitos "higienizadores de layout" do mainstream se nossa única forma de "mídia" é um compartilhar o outro

A intenção é fazer com que links legais circulem de forma espontânea. Sim divulgados "gratuitamente"! Não é possível querer monetizar (ou ganhar algo em troca) só pra linkar um post que você curtiu! Isso beira o absurdo! É uma coisa tão legal ir clicando nos  links ou blogroll de outros blogs e ir criando uma rede de leitura... E às vezes a gente não conhece um blog e alguém joga um link dele e a gente clica e daí já lê o blog todo, conhece, segue...

E veja bem, não é um "projeto do Diva Alternativa". Minha única regra é linkar sempre algum blog alternativo que curti as postagens porque blogs alternativos precisam ter conexão entre si pra sobreviverem... (quem sabe você se vê por aqui e vejo um dos meus blogs linkados por aí! :D)

Embora se chame "linkagem da semana", não postarei toda semana e sim, quando eu tiver links legais a mostrar. Mas a ideia tá aí! Então segue minha primeira leva de links!

LINKAGEM DA SEMANA #1

Artigos/Assuntos Diversos:


Blogs Alternativos:
* Dois links sobre Lovecrat porque é meu escritor de horror/ficção favorito rsrs! 


Até a próxima Dyvas!  

P.S: tô devendo uma finalização sobre  os textos de "Publicidade em blogs alternativos". O texto tá pronto a um tempão mas ainda não publiquei por motivos de indecisão se publico no blog ou em formato ebook (texto pra download) hehe!




9 Comentários

  1. Simplesmente divino seu texto.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kallyne, obrigada! Metade do texto são falas da Aline Valek que reproduzi ;)

      Excluir
  2. Amei o texto e amei me ver ali com minha entrevista com o Chriiis *O*, que honra!! Muito obrigada <3
    Está realmente muito difícil a interação nesse mundo dos blogs, e não só nos blogs, mas também na internet em si, que tudo vira mimimi...e isso cansa! Hoje ninguém parece se importar em criar laços, conhecer pessoas, conversar sobre opiniões diferentes ou mesmo até parecidas sem discutir, entender uns aos outros.. tá osso! Se importam bem mais com o que vão "conseguir" com isso, os malditos números novamente.E não simplesmente gostar de tal coisa,comentar,compartilhar,trocar idéias sem interesse a mais nenhum, simplesmente porque era interessante, porque tu gostou. Pode ser piegas mas falta muito amor ao próximo no meio alternativo, parece uma eterna competição de egos, por tudo! E nem digo sobre a falsidade..aff jorra na tela!! rs Batkisses <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A entrevista foi ótima Loretta! Nem imagino a felicidade de poder entrevistar o próprio ídolo, parabéns!
      Quanto ao mundo alternativo, assim como a sociedade em geral, está vivendo uma época com batante foco no "eu". Por isso ser questionador e ter senso crítico é algo que faz a diferença hoje em dia. Mas estamos aí, resistindo! Avante! o/

      Excluir
    2. Concordo totalmente com as duas. :(

      Excluir
  3. O teu blog me faz ter esperanças em blogs realmente bons! Amei esse teu texto e o da Aline. Acho incrível que ainda existe pessoas lutando contra a nova era dos blogs.
    Eu nunca gostei muito dessa era facebook, que mesmo com blog, temos que postar em uma página para que, com isso, as pessoas possam entrar no meu blog. É uma dessas razões que fico descontente em levar meu blog pra frente. Sinto um medo gigantesco ser um robozinho da nossa blogsfera e deixar os patrocinadores controlar o que posto. Não consigo aceitar que, só porque recebi certo produto, sou obrigada a falar bem dele.
    Enfim...
    Obrigada por esse texto! Foi maravilhoso e inspirador <3

    ResponderExcluir
  4. Eu amei essa ideia!
    Vou começar a fazer algo parecido também. Só vou pensar direitinho em como farei. E eu nem sabia desse trem de blogroll direito. Tem muita coisa que eu ainda boio na internet... hsauhsaus
    Vou ver se consigo colocar no meu também!
    Ah, e já vou dar uma olhada nos links que você postou também, apesar de que alguns da lista eu acho que já vi antes. rs
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olha Sana, espero mesmo é que você pare de ficar desativando o seu blog, heuhe! Pior é que eu falo isso, mas eu também tenho essa "síndrome". Eu também acho os grupos legais porque dá pra gente ver de maneira mais geral o que tem de novo, embora os assuntos quase sempre estejam rolando em torno das mesmas coisas. Por isso, acabo meio que desanimando da blogosfera no geral. Adorei essa ideia! Beijão.

    ResponderExcluir
  6. Coisa linda de texto! 😍
    Eu também sinto falta das pessoas que blogam mesmo visitarem e interagirem por blogs. Tem um grupinho que sempre visita o meu e comenta. Eu amo essas criaturinhas! Nayara, Thays, 😍 e outras mais.
    A gente fica jogando link no Facebook, pra gente que mal vê sua foto, e tá nem aí pro seu conteúdo. É foda. Parece que não existe mais existe www, só o mundinho Facebook. As pessoas tem uma preguiça de sair do Facebook, que não entendo.

    Só tenho a agradecer a vc, Sana, por nós manter nesse clima de irmandade. 💕

    ResponderExcluir

Obrigada pela interação. Os comentários serão respondidos aqui mesmo ^-^