Mais um projeto dos blogs aliados do Universo Alternativo!  
Este é sem dúvida o desafio mais difícil deste projeto, pois pede para listar 5 blogs underground e a maioria absoluta dos blogs alternativos nacionais é underground, então imaginem minha situação! Entendo por underground o que nunca saiu do universo alternativo e não chegou ao mainstream, ou seja, blogueiras que não tem milhares de seguidores e convivem neste "submundo virtual".


Inicialmente pensei em listar só gringas pra ser "neutra" (se achando A diplomática), mas tem tanta gente boa aqui no Brasil...  os critérios que usei pra seleção foram:
1. Blogs que foram atualizados em 2017;
2. Blogs que, na minha opinião, tem um jeito único, próprio, refletem bem as autoras;
3. Blogs que visitei nos últimos dois meses (que tem sido corridos e tenho navegado pouco na web).
Existem blogues maravilhosos que conheci recentemente (alguns até antigos), blogueiras novas, de uma nova geração... adoraria listar todo mundo aqui, mas haverão diversas outras oportunidades de nos linkarmos!  O legal deste projeto também é conhecer outros blogs (das listas já publicadas, vários eu não conhecia!!)


This is My World - Este é blog da Giovana. Ela é aquela típica pessoa que podemos considerar "camaleônica". Ao longo da existência de seu blog pudemos acompanhar a trajetória dos diversos estilos de visual e estilos de vida que a Gio adotou. E o legal é que sempre que ela adota um estilo novo, ela não adota o visual de forma superficial, ela estuda a essência daquilo, pesquisa, busca referências, cria releituras, adapta... então nunca são visuais "vazios", você percebe que ela realmente entra de cabeça em suas fases e as vive de forma plena.  A Gio é uma grande referência e inspiração, uma verdadeira Diva Alternativa.


Eccentric Beauty  - É o blog da Nayara e um dos que mantém viva uma das chamas do underground que é a cultura do Do It Yourself. Além disso, a Nayara representa aquela parcela imeeensa de brasileiras alternativas que moram em cidades pequenas do interior. Nayara não é o padrãozinho de beleza magra e branca que domina blogs e Instagrams nacionais, é gente como a gente, sem frescuras, sem ostentação e sem exibicionismo. Ela passa uma imagem super autêntica na minha opinião, e por isso acredito ela ter tanta importância. É aquela menina "do rock" que podia ter estudado na minha sala e que eu pensaria: "tem cara de gente boa, vou puxar papo".

De corturno e spikes - É o blog da Camilla. Eu não sei me maquiar e observei que as alternativas que fazem tutoriais de maquiagem aqui no Brasyl, focam em maquiagem gótica elaborada. E eu sentia falta de ver maquiagens que fossem igualmente impactantes mas mais adaptadas ao dia a dia. E foi assim que voltei minha atenção pra Camilla. As maquiagens que ela faz não se limitam e podem ser estendidas pro universo do rock em geral, são maquiagens dramáticas e marcantes e se repararem, seguem um estilo próprio. Esteticamente ela tem um estilo moderninho-rocker-gótico, mas super "bem pensado", parece que nunca tem nada fora do lugar. Sempre arrumadinho. É interessante. Eu me identifico muito com os looks dela, parece o estilo que eu usava aos 22 anos, só que numa versão melhorada, 2.0. Além disso, ela mora no Hell de Janeiro, mostrando que dá pra ter estilo alt numa das cidades mais quentes do país.

Vultus Persephone - A Rafaella é um de meus destaques dentre as novas blogueiras nacionais. Eu conheci o blog dela ano passado quando ela me listou num post sobre blogueiras alts, de lá pra cá, acompanho as atualizações e adoro a disposição que tem de produzir conteúdo com frequência na maioria das vezes voltado à moda alternativa. Ela assim como várias outras bloggers tem um estilo próprio, é plus size e aborda suas experiências no blog. Também acredito que ela tem um baita potencial.

4sphyxi4 - Você sabe quem é a Jaque? Ela é a dona dessa p**a toda aqui!!! Essa coisa de "Universo Alternativo", "Escrita Mensal"... poizé... O nome do blog dela é tão sci-fi que só nisso a gente já percebe o que tem algo diferente ali! A Jaque tem um blog com um baita potencial de conteúdo. É das raras alt bloggers brasileiras que manja de cyber e ainda divide suas leituras sci-fi conosco. E estas são áreas que não costumam ser associadas à mulheres. É legal saber que ela faz essa quebra de barreiras num universo tão associado aos homens. Além disso, o blog passeia entre moda, beleza e seus editoriais de fotografia


Cada garota desta lista tem um estilo próprio, um lifestyle particular, mostrando como temos pessoas diversas nos blogs alternativos nacionais, pra todos os gostos!
E você, quais suas 5?


Projeto de Escrita Mensal UA
Janeiro • A História do meu Blog Fevereiro 
• O que aprendi com a blogosfera.
Março • Tudo aquilo que me inspira hoje.
Abril • 5 blogs que sigo e admiro! (Underground, please!)
Maio • Coleção de fotos que nunca publiquei.
Junho • Três postagens antigas favoritas.
Julho • Sobre meu estilo pessoal.
Agosto • Memórias da minha infância / adolescência.
Setembro • 10 coisas pelas quais sou grata!
Outubro • Sobre amores da minha vida.
Novembro • Vivendo na era digital.
Dezembro • O que este ano me ensinou?



Blogues que sinalizaram interesse em participar dos projetos:



Recentemente teve muito vídeo sensacionalista e "em busca de cliques" de alguns youtubers sobre a perda de monetização. "ah vamos falir", "gritos" (não me apetece gente que grita pra se aparecer), caretas (parece ser a regra para ser um youtuber de sucesso hoje) etc. Além do caso da saída de anunciantes, já tem um tempo que o You Tube quer mudar a forma de seus anúncios, quer colocar de 6 segundos e de 20 segundos, SEM a opção de pular. Sim, isso mesmo que você leu. SEM o seu livre arbítrio, sem escolha. Igual na TV... (aquela mesma que eu fujo). Um dos motivos é o sucesso dos vídeos no Facebook (seu principal concorrente no momento). Como digo, é briga de grandes, de empresários e você é só aquele patinho gigante amarelo que acreditava em contos de fada e na Disney e quando se deu conta, te passaram a perna.

Esta situação revela um problema real que poucos tem falado mas que deveriam: as agências de publicidade. Elas não se preocupam se o seguidor vai clicar ou não naqueles anúncios pois ganham com as impressões. No You Tube, você seleciona as categorias de anúncios mas não sabe quais marcas aparecerão lá no seu vídeo (vai que seja uma marca que você não se relaciona?). Ocorre que você acaba veiculando empresas que podem não ter a ver com o teu canal e pior: nem com seu público! 


Quem vem aqui, com certeza já me viu falando que com a popularização do You Tube, só continua blogando quem realmente ama. E é verdade. No Blogger também é possível ganhar dinheiro através de anúncios, a diferença é que você tem um pouquinho a mais de chance de escolher qual empresa quer divulgar. Eu tendo a escolher empresas que tenho afinidade e odeio anúncio pop up, prefiro os banners. O pop up me dá aquela impressão de anúncio na cara, obrigado, tipo na TV. Sei que anúncios no blog podem ser igualmente chatos pro leitor, mas são necessários pra um blogger assim como são pros youtubers.

É possível tirar troco dos anúncios em blogs, como eu exemplifiquei naquela série sobre Publicidade em Blogs, mas óbvio que no You Tube devido a mais views, ganha-se mais retorno. Muitos bloggers migraram pro You Tube visando a possibilidade de uma monetização maior, de "viver daquilo" e simplesmente largaram seus blogs ou deixaram-nos para segundo plano. Só que tem vlogger que dá truque pra ter mais views, eles tagueiam o vídeo com o assunto que não é verdadeiro ou tagueiam o nome de algum You Tuber famoso. Vamos supor que eu tagueasse "ReeRee Phillips" ou "Lindsay Woods" em meus vídeos. Eles apareceriam numa busca sobre estas meninas e eu ganharia mais views, certo? Sim. E tem quem faz isso, trapaceia (e depois reclama de corrupção rs).

Isso serve de alerta para as agências: elas precisam urgente modificar seu sistema de anúncios. Precisam selecionar quais canais elas querem aparecer pra ir direto ao público certo! Lembram que falei sobre isso na questão da moda alternativa? De lojas que não se divulgam com as meninas que tem o perfil da marca? Entããoooo...

Independente desta saída de anunciantes no You Tube, tem algo que precisamos ter em mente: são grandes empresas, bilionárias, elas querem é faturar, seja em cima do vlogger ou de quem assiste. Não sejamos inocentes. 

E não, não é o fim do You Tube. E se algum Youtuber diz que é o "fim do canal dele", bom... ele já deu a deixa que está lá só pela grana e não porque tem paixão por fazer aquilo. Drama Queens, tentam ganhar sua compaixão e daí você não questiona o que realmente acontece.

Mas e o que se tira de lição? 
Algo que todo blogger já sabe: Tenha outra forma de ganhar dinheiro.

Mesmo que você ganhe dinheiro do blog, não viva só disto. Tenha um emprego formal, um emprego temporário, um free lancer... Se você tem uma criatividade: lance sua marca, venda coisas, venda seu trabalho, tente ser patrocinado por uma empresa que gosta... O mesmo vale pros youtubers: tenha um plano B e C. Não confie 100% numa grande empresa.
Já notou que tem vários youtubers pedindo financiamento? É você que vai pagar o trabalho deles. Isso mostra como é necessário sempre ter um plano B e C quando se trata de internet. É uma amostra de como não podemos depender 100% destas empresas. Podemos continuar fazendo nossos blogs e nossos vídeos mas sempre buscando a independência! Tendo nossas outras formas de retorno financeiro. Seja você blogger ou vlogger, vá em busca de suas habilidades empreendedoras ou busque - quem diria - formas tradicionais de ganhar dinheiro. Isso sempre funcionou.

Bjs Dyvas!




Escrever e não saber se quem ler vai gostar.
Mas talvez o ato de escrever seja isso mesmo.
Às vezes não se dá nada pra uma escrita e ela faz sucesso.
Às vezes uma escrita que você ama ninguém se importou.
Às vezes aquele texto que você poetizou, sonhou... não gera interesse no outro.
E aquele que você escreveu em 5 minutos, um pouco mal feito, foi admirado.

Mas a criatividade é assim, você quer por pra fora uma ideia mas não dá pra saber como vai ser recebida pelas pessoas.

Talvez a maior dificuldade no campo da escrita é o ato de achar algo que te provoque paixão.
Não é sobre gostar e nem sobre amar, é sobre paixão mesmo, aquela faísca maluca que incendeia teu ser. O amor é algo duradouro, é preciso amor para manter um blog, por exemplo, mas pra escrever, necessita-se de paixão.

A paixão é exibicionista e obsessiva. A pessoa só quer falar de sua paixão, quer mostrá-la ao mundo e só tem olhos para aquilo.

Talvez seja esse o grande mal atualmente: querer que exista uma paixão onde não há.
Ou pior: não escrever sobre suas paixões. 

As coisas que você está apaixonada não são aleatórias, elas são o seu chamado.